CACHORRO DESAPARECIDO, Cachorro perdido, cão perdido, PET DESAPARECIDO

Cachorro perdido? Saiba procurar de forma segura

20 dicas de como procurar seu cachorro perdido

20 dicas de como procurar seu cachorro perdido.

A distância que os cães perdidos percorrem depende em grande medida do quanto suas patas lhe permitem andar. Por exemplo, cães fortes, especialmente se forem novos, podem percorrer
oito quilômetros ou mais em um único dia.
Contudo, a maioria dos cachorros perdidos são recuperados em um raio de três quilômetros de casa, especialmente porque os cães não costumam percorrer largas distâncias em linha reta,  independentemente da sua força ou rapidez.

Desenhe mentalmente um círculo em volta do local onde o seu cão se perdeu.

Em primeiro lugar pense nos locais dentro desse círculo para onde seu cachorro provavelmente se deslocaria em procura de companhia, conforto ou comida. Um jardim ou um parque onde vá regularmente? Uma escola? Uma casa onde o seu cão costume receber guloseimas ou tenha um amigo?
No caso de cachorros desaparecidos, a ajuda de terceiros é quase sempre essencial.
Em segundo lugar pense em todas as pessoas que vivem dentro do círculo, pessoas que passam tempo fora de casa e que seja provável que reparem em um cachorro na rua. Pessoas que frequentam a rua para ir ao trabalho, pessoas que trabalham na rua, essas pessoas passam o dia todo na rua e podem ficar de olho pra você (Entregador de Gás, Verdureiros, Carteiros, lixeiros, Motoboy, etc.). Em conclusão peça a todas elas que te ajudem a encontrar o seu Cachorro perdido, quanto mais pessoas estiverem na procura pelo pet, maiores serão as probabilidades de encontrá-lo.

Conteúdo

Saiba como procurar seu cachorro desaparecido de forma segura
1. Percorra as proximidades do local de desaparecimento.
2. Envolva as crianças da vizinhança na procura.
3. Faça barulho!
4. Leve petiscos que o seu cachorro gosta.
5. Leve uma lanterna com luz forte.
6. Publique um anúncio de animal desaparecido!
7. Tenha o cuidado de inserir informações que possam ajudar terceiros na eventualidade de avistarem o seu cão.
8. Distribua os folhetos!
9. Não descarte nenhuma pista.
10. Prepare um “tapete de boas-vindas”!
11. Fique no local de desaparecimento.
12. Notifique clínicas veterinárias.
13. O seu cachorro tem microchip?
14. Vá até aos canis municipais.
15. Se conecte com as associações de proteção mais próximas.
16. Ligue para a polícia se caso o animal tiver sido furtado.

17. Se conecta com equipes de rodovia e estradas.
18. Anuncie o desaparecimento.
19. Tenha cuidados com fraudes.
20. Não desista!

 

As primeiras horas após um desaparecimento são vitais

Por isso é essencial que você seja rápido, antes de mais nada, emita um alerta no seu bairro e bairros próximos e passe a procurar pelas ruas.

1. Percorra as proximidades do local de desaparecimento.

Procure a pé ou de carro perguntando aos moradores locais e as outras pessoas (lojistas, carteiros, funcionários de limpeza, entregador de gás) que frequentam habitualmente o seu bairro se avistaram o seu cachorro. Leve um familiar ou amigo e uma foto do pet.

2. Envolva as crianças da vizinhança na procura.

As crianças podem ser ótimas para encontrar animais e, se tiver outro cão e ambos se derem bem, leve-o contigo nas suas buscas se for viável e aumente o raio de
buscas sempre que possível.

3. Faça barulho!

Os animais podem te ouvir de grandes distâncias, chame continuamente o nome do
seu cão, se ele tiver um brinquedo com apito, leve-o com você e utilize-o para fazer
barulhos familiares.

4. Leve petiscos que o seu cachorro gosta.

Leve também uma caixa dos biscoitos favoritos do seu cão e abane-a alto e bom
som enquanto chama o nome do seu cão.

5. Leve uma lanterna com luz forte.

Assim como é preciso levar uma coleira, mesmo que durante o dia. Um cão
assustado ou magoado pode se esconder em locais escuros e com difícil acesso,
procure também em arbustos, valetas, embaixo de carros, barracões, aterros,
garagens, terrenos baldios e outros…

6. Publique aqui um anúncio do seu cachorro perdido!

Isso faz com que o seu cão fique registrado em nossa base de dados de animais
desaparecidos e para que grande parte de pessoas na região sejam notificadas
acerca do desaparecimento aumentando assim as pessoas “envolvidas”

7. Tenha o cuidado de inserir informações que possam ajudar terceiros na
eventualidade de avistarem o seu cão.

Indique se o seu cão é sociável ou se, pelo contrário, não convém tentar agarrá-lo (pois tal poderá afugentá-lo ainda mais). Ao descrever o seu cão, oculte uma ou
duas características identificadoras (uma particularidade física ou a cor da coleira, por exemplo) e nunca divulgue um número de microchip ou a inscrição de uma tatuagem. Essa medida é essencial para evitar fraudes ou tentativas de burla.

8. Distribua os folhetos!

Essa é uma medida indispensável em casos de desaparecimento. Cole em postes da região, distribua em comércios, farmácias, clínicas veterinárias, escolas, delegacias,
condomínios e outros estabelecimentos.

9. Não descarte nenhuma pista sobre seu cão perdido.

Se receber informações sobre um animal muito semelhante ao seu, não descarte
essa pista apenas com base na distância ou em fatores como a ausência/presença
de coleira ou microchip, por exemplo, já que devido às más condições de cuidados,
o animal pode estar com outra aparência.

10. Prepare um “tapete de boas-vindas”!

Se for possível, coloque objetos com odor forte na porta ou janela da sua casa para
atrair o seu cão, tais como peças de roupa suja. Se for seguro, também deixe a
porta aberta.

11. Fique no local de desaparecimento.

Volte com frequência ao local que o viu pela última vez, após um tempo, há cães
que voltam ao local onde se perderam.

12. Notifique clínicas veterinárias.

Telefone para as clínicas veterinárias de seu bairro para saber se o seu cachorro foi
levado por lá para tratamento ou verificação de existência de microchip. Deixe um
folheto com a foto do cão nas clínicas veterinárias.

Aqui você encontra clínicas veterinárias na sua região, basta entrar nesse site e colocar o nome da sua cidade.

13. O seu cachorro tem microchip?

Notifique o SIAC. Certifique-se que as informações de contato estão atualizadas, não
deixe de consultas regularmente a lista de microchips não registados no antigo
SICAFE.

14. Vá até aos canis municipais.

Visite regularmente os canis municipais mais próximos. Não basta telefonar, tem de ir
pessoalmente. Ligue também para os contatos gerais das câmaras municipais, com isso
você pode ver uma possível localização de seu cachorro perdido.

15. Se conecte com as associações de proteção mais próximas.

Se informe quais são as associações de proteção aos animais da sua cidade e
notifique-as.

16. Ligue para a polícia se caso o animal tiver sido furtado.

Faça um B.O. por furto na delegacia mais próxima de você. De acordo com a lei se o animal possui meios legais de comprovação e é dever de quem o encontrou devolvê-lo ao proprietário, podendo ser processado se não o fizer (Código Civil – art. 1.233). Incorre em crime, previsto no Código Penal (art.169), quem achar e não devolver ao dono, com pena de detenção, de um mês a um ano, ou multa.

17. Se conecta com equipes de rodovia e estradas.

Por mais triste que seja, é necessário, descubra se o seu cachorro não foi atropelado na
rodovia ou estrada.

18. Anuncie o desaparecimento.

Se possível, anuncie também o desaparecimento do seu cão em jornais e estações de
rádio locais.

19. Tenha cuidados com fraudes.

Evite se encontrar com alguém sozinho que afirme ter visto o seu cachorro. Peça para
mandar vídeos e fotos e leve um amigo contigo na hora do resgate de preferência em
um espaço público.

20. Não desista!

Há casos de cachorros que estiveram desaparecidos durante meses e que acabaram
por sendo encontrados.

 

Depois de encontrar o seu cachorro perdido, retire os anúncios de procura. Dê como “resolvido” o anúncio no ALERTPET.COM.BR , recolha os folhetos que distribuiu

 

Contato:

E-mail: contato@alertpet.com.br
Site: www.alertpet.com.br

Related Posts

5 thoughts on “Cachorro perdido? Saiba procurar de forma segura

  1. Valdete Toss Teixeira disse:

    Parabéns pela forma de fazer o anúncio padronizando e colocando a cidade e o estado de cada animalzinho!!

  2. Carlá Goñçålvés disse:

    Uma página muito bem elaborada, com dados completos e atualizações constantes. Uma ajuda preciosa aos anjinhos desaparecidos!! Parabéns!!

  3. Iara Souza disse:

    Depois de 3 dias sem sucesso na procura dos meus bebês que tinham fugido, me indicaram o Alertpet e no mesmo dia consegui várias informações que me levaram a encontrá-los.
    Agradeço muito o serviço super eficiente e indico muito ❤️

  4. Aline Cristine disse:

    Agradeço imensamente pois. graças a divulgação de vocês nosso Bebê foi localizado estamos muito Felizes em tê-lo de volta pra casa ♥️🥰🐶🐾

  5. Deva Kiki disse:

    As redes sociais são realmente uma ferramenta poderosa em casos como esses. Compartilhem… compartilhem… compartilhem..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *